Preso cracker que atacou Sony e governo brasileiro

O FBI prendeu ontem em 22/9 um jovem de 23 anos acusado de fazer parte do grupo LulzSec, responsável por entre outras ações, capturar dados de mais de um milhão de usuários da Sony Pictures, atacar a CIA e sites do governo brasileiro.

No meio do ano, o LulzSec atacou sites e redes nos Estados Unidos, uma agência inglesa de combate ao crimes organizado, presidência do Brasil e a estatal Petrobras.

Ele é conhecido como “Recursion? e utilizou a estratégia SQL injection para entrar no sistema da Sony Pictures. O invasor conseguiu capturar dados como senhas e endereços de e-mails dos clientes da

Sony.

A divulgação dos dados da Sony Pictures aconteceu logo depois do ataque devastador à rede do PlayStation, que gerou prejuízos estimados em quase 200 milhões de dólares.

No começo de setembro, outros dois jovens, 24 e 20 anos, que não tiveram seus nomes divulgados, foram detidos pela polícia britânica em Doncaster e Wiltshire por estarem supostamente envolvidos em ataques feitos pelo LulzSec e pelo Anonymous, e seriam parte do grupo que utiliza o codenome “Kayla”.

Fonte:
IDG News Service
Publicada em 23 de setembro de 2011 às 08h34
Atualizada em 23 de setembro de 2011 às 08h42

zp8497586rq
error: Conteúdo Protegido !!
%d blogueiros gostam disto: