Vírus Tyupkin faz caixa eletrônico entregar 40 notas por vez a criminosos.

A empresa de segurança Kaspersky e a Interpol detectaram um novo malware que faz os caixas eletrônicos ejetarem notas. Conhecido como Tyupkin, o vírus mostra aos criminosos qual a quantia disponível no caixa eletrônico e, assim, pode entregar até 40 notas de uma vez nas mãos de cada integrante da quadrilha que aplica o código malicioso na máquina de serviços bancários e cédulas.

Para não ser detectado facilmente, o malware só funciona nas noites de domingo e segunda-feira. Um vídeo obtido por câmeras de segurança de um caixa eletrônico mostrou o método utilizado pela quadrilha. Sem a inserção de um cartão no caixa eletrônico, o criminoso trabalha em duas etapas.

Primeiro ele acessa o caixa eletrônico e insere um CD de boot para instalar o malware. Depois, ele reinicia o sistema para a máquina, já infectada, ficar sobre seu controle. O Tyupkin permite ao criminoso gerar códigos que vão mudando rotativamente, para que ele então possa repassar o algoritmo aos seus parceiros.

De acordo com Vicente Diaz, pesquisador de segurança da Kaspersky, o restante da quadrilha recebe as instruções por meio de um telefone. Quando o código, único para cada sessão, é digitado corretamente no caixa eletrônico, a máquina exibe detalhes de quanto dinheiro está disponível e assim ela libera até 40 notas por vez. Até agora, estima-se que 50 caixas foram vítimas do malware na América Latina, Leste Europeu e também na Ásia.

Via Kaspersky

%d blogueiros gostam disto: